Vida Universitária - Jornalismo

Gente, passou muito rápido essa semana! Tanto é que eu tô atrasada com esse post, ele era pra ter ido ao ar sexta, haha. E hoje é dia de 6 on 6, que se eu fizer, também vai sair atrasado. Mas voltando ao post de hoje, pelo jeito vou conseguir manter a tag 1x por semana, da forma que eu queria, tô recebendo muitos pedidos (esse foi um inclusive!) e alguns até tô enlouquecendo porque não conheço ninguém que faça tal curso, mas a medida que eu for conseguindo vou postando pra vcs, ok?

O curso de hoje é Jornalismo, e eu conversei com a linda Ana Beatriz Caldas, ela foi super simpática como sempre, respondeu tudo na maior boa vontade! Vamos conhecer mais um pouco sobre o curso dela?


Nome: Ana Beatriz Caldas
Idade: 18 anos
Curso, período e faculdade: Comunicação Social com habilitação em Jornalismo, 3º período (graças a bendita greve) na Universidade Estadual da Paraíba.

(Bea super feliz com a aula prática do parque da criança, haha)

Por que você escolheu Jornalismo?
Sempre tive afinidade com linguagens e gostei de escrever. Decidi que queria fazer da escrita minha profissão com uns 9/10 anos e desde então pouco pensei em outras áreas, então nem considero uma escolha... Foi algo meio natural, tanto que ainda no colégio eu ganhava coisas sobre jornalismo de amigos e família!

Como é a sua rotina? (estudos, estágios)
O melhor do curso é isso: não tem rotina. Claro que temos sala de aula, seminários, provas e professores como todos, mas a gente estuda de português a economia, de direito a cinema, de psicologia e filosofia a educação, já que, como jornalistas ou assessores, devemos ter um perfil multidisciplinar.
Atualmente, estagio em um portal de notícias sobre política. Minha função é, basicamente, fazer rádio-escuta e produzir conteúdo para o site.



O que mais gosta e menos gosta no seu curso?
A proximidade com as demais ciências humanas (o que, de vez em quando, faz você querer cursar história, filosofia, ciências sociais, psicologia...). Em comunicação social a gente precisa saber um pouco de tudo pra ter uma base - e decidir em que campo quer atuar posteriormente, já que a área é muito ampla. 
Uma das coisas ruins no curso é a má perspectiva de mercado atualmente (principalmente em mídia impressa, minha área preferida), o que acaba por desestimular, às vezes. Também não sou muito fã de ter que me adaptar tão rapidamente a todo brinquedinho tecnológico que aparece, mas isso se faz cada vez mais necessário - eu que sou chata, acho.
Fora isso, sempre rolam umas dificuldadezinhas típicas de universidade pública, como a falta de incentivo no geral (tipo o lance do Ciência sem Fronteiras excluir os cursos de humanas. Na cidade onde estudo, tudo gira em torno de exatas) e os laboratórios precários.

Uma dica pra quem pretende cursar jornalismo?
Corra, ainda dá tempo! haha
Bom, pode parecer clichê, mas é verdade: leia tudo o que puder, sobre o tudo o que encontrar, todo o tempo. Um profissional bem informado e capacitado sempre vai encontrar um lugar para atuar. Também é importante saber se adaptar às exigências do mercado e estar sempre ampliando sua lista de contatos - e já mencionei a importância da leitura?


Galera, essa foto não tem muito a ver com o post, mas eu não poderia deixar de postar aqui, haha. Enquanto tava no facebook dela procurando algumas imagens pro post, lembrei desta que eu acho incrivelmente linda! Obrigado pela entrevista e pela simpatia!

Quer participar também? É só responder as mesmas perguntas que a Bia, e mandar junto com alguma foto que ilustre seu dia a dia para lmla4@hotmail.com.

Share this:

JOIN CONVERSATION

    Blogger Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Este espaço é para que você possa deixar sua opinião,seja elogio,críticas ou sugestões.

- Se você estiver visitando o blog pela primeira vez,não precisa pedir para que eu visite seu blog,eu retribuo todas as visitas e comentários,basta deixa o link,é questão de educação.

- Xingamentos ou Ofensas serão apagados.